Bonjour, abat-jour e merci quase todo mundo sabe o que significa, mas e Béchamel? Véloute?

A cozinha francesa é realmente magnífica e deliciosa, mas quem nunca se deparou com alguns nomes difíceis de identificar e até mesmo chutar do que se tratam, né?

Para te dar uma forcinha, o ChefsClub te conta quais são os 4 principais molhos franceses:

Béchamel

molhos franceses

Se você provou um delicioso macarrão com molho de queijo ou uma lasanha ao molho branco, provavelmente você já experimentou o molho Béchamel.

Ele é uma combinação de farinha de trigo, manteiga e leite, na sua forma básica, ou pode ser misturado com outros ingredientes para que se tenha novos molhos como o de queijo, mostarda ou Mornay.

Está sem inspiração? Você pode utilizar o molho com massas, legumes, ovo, peixes e aves.

Véloute

molhos franceses

Assim como o Béchamel, o Velouté começa com uma mistura de farinha de trigo, manteiga e leite branco, mas também leva um caldo claro feito com frango, peixe ou vitela.

Ele também é considerado um molho simples que pode servir de base para o de cogumelos, camarões ou vinho branco e pode deve ser consumido com pratos mais leves, como legumes, peixes, massas e aves.

Espagnole

molhos franceses

Nome chique, não é? Mas o molho Espagnole também é conhecido como molho pardo e tem como ingredientes principais a cenoura, aipo, cebola, caldo de carne e pedacinhos de carne bovina.

Ele pode facilmente ser convertido para um molho madeira e deve ser servido com carne assada, principalmente bovina, vitela, cordeiro ou pato.

Hollandaise

molhos franceses

O molho Hollandaise leva basicamente manteiga clarificada, gema de ovo e suco de limão.

Pode até parecer que é de fácil preparo, mas o molho requer cuidado para que os ingredientes não coalhem e você tenha que ficar “consertando” a receita.

A dica é para o consumo é aproveitar o molho em peixe, carne bovina, aves e aspargos.

Agora uma última informação… Você sabe o que significa a palavra Roux?

Roux é uma palavra francesa que identifica uma mistura em partes iguais de farinha de trigo e manteiga e que serve como base para engrossar os molhos, assim como vimos acima.

Curtiu? Agora é só achar o restaurante com culinária francesa mais perto de você e colocar os novos conhecimentos em prática.

E se você quiser saber sobre os molhos italianos, clique aqui! 😉

Comments

comments