San Lorenzo Bistrô

Em Brasília, existe um lugar super charmoso chamado San Lorenzo Bistrô, que ganhou o Prêmio ChefsClub de Melhor Surpresa de 2016.

Entrevistamos o Ítalo Fávero de Moura, proprietário da casa, que nos contou um pouco da história do restaurante.

San Lorenzo Bistrô

ChefsClub – De onde surgiu a ideia do San Lorenzo Bistrô? 

Ítalo – Ter um restaurante sempre foi um sonho do meu pai (Carlos José de Moura, o Casé), ele sempre gostou.

Provavelmente por influência de uma tia dele que, quando ele casou com a minha mãe, deu um jogo de pratos bem bonito pra eles e ele já disse que aqueles seriam os pratos do restaurante dele.

Aí, em 1994, ele abriu uma torteria. Meu avô viajava muito para o exterior e eles sabiam que em Brasília não tinha nenhuma torteria à altura das que já existiam no Rio e em São Paulo, por isso eles foram para a Europa, pesquisaram bastante e criaram a Torteria di Lorenza.

Depois de 13 anos, em 2006, meu pai já via que a torteria funcionava muito bem sem a presença dele o tempo todo, então ele começou a organizar alguns eventos para o meu avô, como jantares. Ele já gostava muito de cozinhar em casa aos domingos, fazia risoto, medalhão de filé. Um dia decidiram que a torteria mudaria de endereço e meu pai viu a oportunidade de abrir o restaurante que ele tanto sonhava na loja que ficou vaga.

ChefsClub – Mas a história não acabou por aí, certo? 

Ítalo – Não. Esse primeiro restaurante que meu pai abriu funcionava no Sudoeste e ficou aberto de 2006 até 2013.

Meu pai foi percebendo que muitas pessoas gostavam de ir até o restaurante e comprar para comer em casa e muitas pediam para entregar em casa mesmo, mas na época não tinha delivery, foi aí que meu pai me chamou e me colocou pra atender o telefone.

A quantidade de pedidos era sempre uma incógnita: às vezes 2 pedidos, às vezes 30 pedidos. Mas aí começamos a investir mais na imagem do delivery, até que a ideia pegou e chegou um momento em que fizemos as contas e o giro do delivery era muito superior ao do restaurante.

Com alguns custos muito altos e a crise financeira já anunciada, não tivemos muita opção a não ser encerrar as atividades do salão e focar só no delivery. Viemos então para a Octogonal só com a operação de delivery.

ChefsClub – E quando vocês resolveram abrir o San Lorenzo Bistrô que nós conhecemos hoje?

Ítalo – Em agosto de 2014 a gente voltou, agora com uma cozinha muito mais ampla e com câmara fria para atender bem tanto aos nossos pedidos do delivery quanto do salão. Meu pai sempre gostou muito dessa interação pessoal com os clientes dele, de atender mesmo.

ChefsClub – E agora conta pra gente qual é o prato que faz mais sucesso aqui.

Ítalo – O Filé do Casé, que é criação do meu pai com um outro chef amigo dele. Na época que eles criaram o prato, era muito comum as carnes levarem molho madeira ou molho de mostarda, aí já criaram um prato em que a carne leva um molho agridoce à base de vinho tinto, então já foi diferente.

O Filé do Casé é um filé mignon alto grelhado com mostarda Dijon que passamos na crosta de pães, gratinamos e depois finalizamos com o molho de vinho tinto e risoto de shitake.

E acho que faz bastante sucesso também porque é um prato muito bem servido, as pessoas saem bem satisfeitas daqui.

ChefsClub – E conta pra gente uma história inusitada que tenha acontecido no San Lorenzo.

Ítalo – Teve uma vez que uma mulher ligou aqui e fechou o restaurante para o aniversário do namorado dela, só para os dois. Ela me ligou três meses antes, era outubro e o aniversário dele era em janeiro, e ela queria que o restaurante fosse só dela nesse dia.

Quando chegou o dia do aniversário, ela chegou aqui super produzida, bem maquiada, bonita mesmo. Separou uma mesa só para colocar os presentes que tinha comprado para ele (eram muitas sacolas de lojas bem caras), muitos balões, um bolo e, de repente, entrou um músico. Eu quase não acreditei, porque se fosse comigo eu acho que ficaria bem sem graça.

Quando ele chegou aqui ele não sabia o que fazer, de tão sem graça que ele ficou. Ela já tinha escolhido tudo, entrada, prato principal, sobremesa.

De repente ela quis dançar com ele. Chamou o garçom, empurrou as mesas e puxou ele para dançar com ela. Ele ficou todo travado sem saber direito o que fazer. E aí a gente também ficou aqui sem saber o que fazer.

De vez em quando a gente vinha e dava uma olhada na frestinha aqui pra ver se estava tudo certo (risos), mas depois de umas três garrafas de vinho ele se soltou e conseguiu curtir o momento com ela.

ChefsClub – Agora, pra fechar, qual é a coisa que vocês mais gostam de fazer aqui no San Lorenzo?

Ítalo – A gente adora atender as pessoas! A gente faz questão que os clientes gostem muito do que estão comendo e do tratamento que estão recebendo, isso é muito importante para nós. Meu pai vira psicólogo de muitos clientes aqui, senta com eles e deixa eles falarem da vida. A maioria dos clientes acaba virando amigo nosso.

 

Quer saber mais sobre o San Lorenzo Bistrô?

Site: San Lorenzo Bistrô.

Instagram: @sanlorenzobistro

 

Conheça também A Pão de Queijaria, um café/restaurante aconchegante e com jeitinho bem mineiro.

 

Por Viviane de Oliveira Castro.

Comments

comments